Como construir: recuperação de estruturas de concreto | Téchne

Obras

Como construir: recuperação de estruturas de concreto

Análise de dois cases: hotel Golden Tulip, em Belo Horizonte, e Ponte Pênsil de São Vicente, litoral de São Paulo

Edição 238 - Janeiro/2017

Divulgação
Estrutura deteriorada de concreto no esqueleto do Golden Tulip, em Belo Horizonte (MG). O projeto original não previa a instalação de quatro andares adicionais, heliponto e casa de máquinas. A previsão de entrega da obra, que foi anteriormente adiada por estratégia empresarial, é para o primeiro semestre de 2017. Entretanto, diante do quadro econômico, os empreendedores e os investidores estão reavaliando o melhor momento para a inauguração, o que pode adiar essa data

As edificações e o corpo humano apresentam muitas semelhanças: assim como o ser humano tem esqueleto, as edificações têm estruturas. Assim como o ser humano tem musculatura, as edificações têm alvenaria. Assim como o ser humano tem pele, as edificações têm revestimentos. Assim como o ser humano tem sistema circulatório, as edificações têm instalações hidráulicas e elétricas.' (Texto extraído da 'Análise Técnica das Condições Atuais da Estrutura do Edifício Beira Rio', da Vaz de Mello Consultoria em Avaliações e Perícias.)

No corpo humano, assim como num edifício, as condições das estruturas são prioritárias. Ninguém adia a cura de um osso quebrado. Essa ocorrência é tratada como prioridade em qualquer pronto-socorro. Na construção, essa prioridade é ainda mais urgente. A estrutura deteriorada de uma construção pode gerar uma catástrofe. Vamos contar aqui duas histórias de recuperação de estruturas de concreto. São casos diferentes. E felizmente duas histórias de competência e trabalho de prevenção que evitaram situação de perigo.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista Téchne

Outras opções