Prorrogadas as inscrições para a 23ª edição do Prêmio PINI

Foram prorrogadas, até o dia 29 de setembro as inscrições para a 23ª edição do Prêmio PINI. Reformulado, o prêmio passa a reconhecer inovações tecnológicas e os melhores cases da indústria.

Com cinco categorias (Melhores Obras, Case Especial Soluções para Projeto e Execução, Lançamentos de Destaque e Iniciativa Setorial de Destaque), podem participar obras concluídas em no máximo 18 meses do lançamento do prêmio e que não tenham participado de nenhuma edição anterior.

Analisando aspectos das obras como sustentabilidade, produtividade, grau de inovação e impactos em prol do setor, a banca de premiação será composta por representantes de entidades como ABCP, ABNT, ABRAINC, ABRAMAT, APeMEC, APEOP, AsBEA, CAU/BR, CBCS, CBIC, Cietec, CREA, Escola Politécnica da USP, FAUUSP, FDTE, Fundação Vanzolini, IAB, Instituto de Engenharia, IPT, SECOVI-SP e SindusCon-SP.

As inscrições devem ser feitas pelo site do Prêmio PINI (http://premio.pini.com.br/), onde os interessados devem enviar a defesa do produto, do case, da obra ou da iniciativa em formato PDF de até 10 MB.

Confira mais detalhes sobre as categorias:

Melhores Obras    

Serão premiadas três obras de cada categoria. Uma delas será eleita a Obra de Destaque.

  • Edificação Residencial
  • Edificação Comercial
  • Obra Institucional (museus, fundações, escolas)
  • Obra de Infraestrutura

O Prêmio Melhores Obras destina-se às construtoras. Os critérios dessa categoria serão estabelecidos pela banca de premiação com foco em: planejamento, desafios para implantação e execução, qualidade, processos tecnológicos, aspectos de sustentabilidade.

Case Especial Soluções para projeto e execução

Esta premiação contempla fornecedores de materiais e serviços que mobilizaram suas equipes técnicas, para o atendimento a demandas especiais de seus clientes, a exemplo de questões logísticas, especificações, cronogramas, quantidades.

Lançamentos de Destaque       

Os produtos, materiais e serviços concorrentes nesta categoria deverão ter sido lançados nos últimos 18 meses. Serão avaliados em função da importância para o seu segmento e em função do atendimento às demandas no setor.

Concorrem novas linhas e também serviços e produtos adaptados e aperfeiçoados, para melhor desempenho das obras.

Iniciativa Setorial de Destaque

Esta categoria visa a dar reconhecimento a ações importantes, grande impacto, para o desenvolvimento setorial: ações de empresariais/ pesquisas de núcleos acadêmicos especializados no setor que geram impactos positivos/ ações setoriais de cooperação técnica/ ações em prol da qualidade, produtividade, segurança, competitividade/ programas de educação coorporativa realizados pela própria empresa.

Veja também: