Revista Téchne completa 25 anos consolidada como veículo indispensável para o setor da construção civil

Publicação é resultado de uma união de esforços numa parceria bem-sucedida entre o Grupo PINI e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo

Desde o ano de 1982 o grupo de revistas Construção, da PINI, constituiu-se em veículo estratégico para a divulgação de estudos e trabalhos do departamento de edificações do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT). Esse conteúdo, inicialmente publicado como encarte e, posteriormente, reunido e compilado no livro Tecnologia de Edificações, figura entre os maiores cases editoriais da PINI. “Em 1992, a PINI e o IPT dicidiram lançar Téchne – A Revista do Engenheiro, com o objetivo primordial de difundir a tecnologia para o setor da construção. Em uma parceria inédita, uniu o know-how e a qualidade editorial do grupo que lançara aU – revista Arquitetura e Urbanismo, há 32 anos no mercado – às exigências do diferenciado e reconhecido corpo de especialistas do IPT”, conta Mário Sérgio Pini.

 

“Téchne nasceu a partir de uma necessidade de divulgação tecnológica da área da construção civil do IPT. Técnicos levaram à PINI a proposta de lançamento de uma publicação segmentada, baseada em tecnologia, e a editora abraçou de forma entusiástica o projeto. Após milhares de matérias, a publicação se tornou a mais importante revista brasileira nesse setor. Seu sucesso é fruto da credibilidade que conquistou ao longo dos anos, do cuidado e da seriedade com que é mensalmente feita e de seu compromisso com a qualidade”, explica José Maria de Camargo Barros, diretor do Centro de Tecnologia de Obras de Infraestrutura do IPT e conselheiro da revista. Graças ao permanente empenho do conselho técnico-editorial da publicação, formado por um espectro diferenciado de diversos agentes setoriais da construção no país, Téchne se mantém como líder de aceitação e pioneira em inovação no mercado editorial especializado.

Didatismo desde o início
Desde a primeira edição do título, Téchne sempre teve como foco a edição do conteúdo técnico de maneira a garantir sua difusão de forma palatável, sem perder a profundidade técnica requerida pelos assuntos abordados nas reportagens. “O ambiente do conhecimento técnico, das inovações tecnológicas, das regulamentações, legislações e normalização brasileiras é retratado nesta revista desde o seu primeiro número. Fruto do fácil trânsito de muitos anos da PINI não só na editoração, como no próprio meio técnico, Téchne é o resultado do sonho de poder divulgar aos arquitetos e aos engenheiros brasileiros a informação mais recente de forma agradável, simples e didática”, garante Vera Fernandes Hachich, sócia-diretora da Tesis – Tecnologia e Qualidade de Sistemas em Engenharia e presidente do conselho técnico-editorial da revista.

Reposicionamento
Em agosto de 2001, a PINI promoveu uma grande reformulação em sua estratégia editorial. Até então, o mix de revistas da companhia para os construtores era composto de seis títulos: Construção São Paulo (SP), semanal; Construção Rio de Janeiro (RJ e ES), mensal; Construção Região Sul (PR, SC e RS), mensal; Construção Norte/Nordeste (BA, SE, AL, PE, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AM, AP, RR, RO, AC, TO), mensal; Construção Minas/Centro-Oeste(MG, MS, MT, GO, DF), mensal, e Téchne (nacional), bimestral.

Téchne passou a ser publicada mensalmente e Construção Mercado substituiu os cinco títulos regionais de Construção. A nova periodicidade e o novo conteúdo editorial das duas revistas foram bem assimilados pelos leitores e permanecem consolidados até hoje.

HÁ 25 ANOS…

Garantimos atualização tecnológica, gerencial e profissional aos engenheiros civis e demais profissionais da construção civil.

Apoiamos os engenheiros civis e demais profissionais da construção civil no gerenciamento de suas carreiras.

Identificamos e analisamos, com profundidade, obras diferenciadas no Brasil e no mundo.

Identificamos e analisamos técnicas, produtos e sistemas em qualquer fase de desenvolvimento para o mercado da construção civil.

Oferecemos informações sobre a conjuntura do setor, elaborando reportagens interpretativas sobre assuntos ligados ao construbusiness.

Prestamos serviços que atendem às necessidades de ordem prática dos profissionais. Fornecemos informações adicionais em cada conteúdo apresentado (fone, site, bibliografia, instituições correlatas, preço etc.) e privilegiamos a publicação de notícias de impacto direto na vida dos profissionais (dissídios, regulamentações, oportunidades profissionais, educação continuada etc.).

PIONEIRISMO PRESENTE HÁ 25 ANOS

 CONTEÚDO DE TECNOLOGIA DE CONSTRUÇÃO
Não há outro produto no mercado que tenha a tecnologia de construção como um de seus assuntos principais.

 PROFUNDIDADE NO TRATAMENTO DOS ASSUNTOS
Somente Téchne é capaz de tratar com profundidade os diversos assuntos que envolvem a carreira do engenheiro civil.

 CARREIRA EM FOCO
Só a Téchne tem uma preocupação constante com a carreira dos engenheiros civis e demais profissionais da construção civil.

 RESPALDO TÉCNICO
Assessoria técnica do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT).

“O projeto de Téchne foi resultado de uma exemplar combinação de esforços entre a PINI e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo. Ao longo desses 25 anos, a publicação se tornou um dos mais destacados produtos do portfólio do Grupo PINI, líder em aceitação e pioneirismo. Téchne permanece como referência indispensável para o setor da construção civil do Brasil, marcada pela inovação no mercado editorial especializado.”

COM A PALAVRA: OS CONSELHEIROS

“Téchne é hoje um dos mais importantes veículos de disseminação de novas tecnologias, equipamentos, gestão, análise da produtividade e da logística na construção. Ao cobrir este espectro de temas é fonte contínua de formação de engenheiros.”
Ricardo Leopoldo e Silva França, doutor em engenharia estrutural, titular da França & Associados Projetos Estruturais e ex-professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

“Téchne nasceu a partir de uma necessidade de divulgação tecnológica da área da construção civil do IPT. Após milhares de matérias, a publicação se tornou a mais importante revista brasileira nesse setor. Seu sucesso se dá graças à credibilidade que conquistou ao longo dos anos, do cuidado e da seriedade com que é mensalmente feita e de seu compromisso com a qualidade.”
José Maria de Camargo Barros
, diretor do Centro de Tecnologia de Obras de Infraestrutura do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT)

“A Téchne, ao longo de todos estes anos, sempre se preocupou com a imparcialidade e profissionalismo ao retratar novidades, inovações e fatos mais relevantes do setor de construção civil no Brasil e no mundo. Ganhou ao longo desta trajetória a confiança do mercado.”
André Alexandre Glogowsky, membro do conselho da HTB

“Téchne tem uma abordagem ampla da tecnologia da construção civil. Busca o estado da arte do que é produzido no Brasil e no exterior. Por ser uma revista técnica, entrega ao leitor uma fonte de conhecimento e atualidade, mostrando por meio de fotografias, projetos e detalhes as boas práticas e os métodos construtivos abordados.”
Jorge Batlouni Neto
, diretor da Tecnum Construtora, vicepresidente de Tecnologia e Qualidade do Sinduscon.

“Nos últimos 25 anos, a construção civil brasileira foi marcada pela busca de racionalização, produtividade, inovação e desempenho. Neste processo, a procura e a troca de conhecimentos entre todos os agentes envolvidos na cadeia são primordiais e necessários. Com muita qualidade e agilidade a Téchne acompanhou de forma responsável a evolução da construção civil brasileira. Seguindo com muita visão a sua missão inicial, tornouse a maior referência de jornalismo de qualidade no nosso setor.”
Günter Leitner
, CEO Sto Brasil Ltda.

“Independência, pauta e profundidade das matérias: o compromisso com a engenharia e o leitor, fruto da independência da revista, confere à Téchne credibilidade e imparcialidade raramente atingidas por mídias especializadas. A governança e o processo de debates e escolhas das pautas, ouvindo a indústria, resultam em decisões idôneas e equilibradas. A seriedade, a profundidade e a visão de diferentes ângulos resultam em reportagens que são por vezes debates ou indutoras de reflexões sobre os temas.”
Paulo Aridan S. Mingione, executivo do mercado imobiliário

“Na preparação de aulas ou no apoio a trabalhos técnicos procuro sempre incluir as informações mais atualizadas sobre o assunto que está sendo tratado. Ao inserir o tema desejado num site de pesquisa, se a consulta for feita em português invariavelmente as referências mais abrangentes são aquelas que foram publicadas na revista Téchne.”
Ercio Thomaz, pesquisador do IPT

 

“O ambiente do conhecimento técnico, das inovações tecnológicas, dasregulamentações, das legislações e normalização é retratado na revista desde o primeiro número. Fruto do fácil trânsito da PINI no meio técnico, Téchne é o resultado do sonho de poder divulgar aos arquitetos e engenheiros brasileiros a informação mais recente de forma agradável, simples e didática.”
Vera Fernandes Hachich
, sócia diretora da Tesis – Tecnologia e Qualidade de Sistemas em Engenharia

 

 

 

Veja também: